2leep.com

21 de julho de 2013

A velha política. O novo mundo. Tem que dar merda.

Durante o século passado tanto o volume acumulado quanto a velocidade de produção de conhecimento se deram de forma sem precedentes na história. Isso resultou em uma sociedade que usa diariamente recursos tecnológicos que seriam impensáveis poucas décadas atrás. O impacto se deu na medicina, na comunicação, no transporte, no trabalho e em todas as áreas de atuação humana. Com exceção de uma: a política.


Os políticos pouco (ou nada) mudaram. Sua forma de atuar continua sendo a mesma. O processo de formação do poder também não mudou. Chega a eleição e vários candidatos se apresentam. Fazem discursos ridículos com promessas que nunca serão cumpridas. O povo vota como um bando de bovinos nos matadouros. Elegem-se "os representantes do povo" que ao assumir seus cargos começam a planejar as formas de saldar suas dívidas financeiras de campanha. O dinheiro público desaparece nos ralos da corrupção. Os discursos se inflamam uns contra os outros como paladinos de porra nenhuma. Tudo continua como antes para o povo. Alguns grupos ficam milionários. Chega a outra eleição e tudo se repete.


Esse loop é sempre o mesmo dentro de um mundo que realmente mudou. Isso talvez seja a causa última da dissociação entre a política e a realidade. A política afirma falsamente que a sociedade está melhor enquanto a realidade que se apresenta é de uma sociedade abandonada e doente.


Grandes eventos sangrando o erário de um país que não consegue garantir educação e saúde de qualidade para seus cidadãos é mais que improbidade. Isso beira a esquizofrenia. A coisa é tão gritante que até o Vaticano resolver tirar uma casquinha e já está custando mais de 100 milhões de reais a visita do papa ao Brasil.

Surge a pergunta: Se continuarmos nessa trajetória como será nosso futuro???




2 comentários:

Paulinho lopez disse...

O Cabral faz politica sendo um bom governador! ele é famoso pois ja fez muito pelo RJ

Maxx disse...

Paulinho, vc está equivocado. No entanto, peço que cite o que ele fez de realmente bom para o RJ.

2leep.com